Festival de Filosofia de Abrantes – 10 e 19 de Novembro

O Festival de Filosofia de Abrantes quer ser uma praça aberta. Pretende convocar-nos a refletir e marcar posição. Pretende reunir políticos e intelectuais. Dar-lhes voz e fazer-lhes perguntas. Trazer os cidadãos aos problemas e às soluções.

Em 2017, o Festival de Filosofia de Abrantes dedica-se a’O Regresso da História:

É urgente e fundamental que a filosofia e o pensamento voltem à rua, ocupem a praça, atuem no espaço público, promovam o diálogo, o debate e a participação cidadã, intervenham sobre o nosso mundo, a nossa vida e o nosso tempo.

O século XXI abre a definir-se como o tempo do regresso da História e da ideologia, de novas contradições e novos focos de conflitualidade, ameaças e

imprevisibilidades, de novas inseguranças e incertezas.

As democracias estão a ser severamente confrontadas com os seus próprios limites, mas também com as novas autocracias emergentes ou já constituídas. A religião retorna como fonte de novas utopias e invade a geopolítica mundial.

O Festival de Filosofia de Abrantes quer ser uma praça aberta. Pretende convocar-nos a refletir e marcar posição. Pretende reunir políticos e intelectuais. Dar-lhes voz e fazer-lhes perguntas. Trazer os cidadãos aos problemas e às soluções.

O mundo está perigoso e a vida de milhões muito difícil. Mas o projeto de uma vida refletida, que começámos há pelo menos dois milénios e meio, continua a desafiar-nos e a convocar-nos.

Organização

Câmara Municipal de Abrantes e Câmara Municipal de Sardoal, Clube de Filosofia de Abrantes e Palha de Abrantes, Associação de Desenvolvimento Cultural.

Informações de Contacto

abrantes.comunicacao@cm-abrantes.pt