I Seminário «Polícia, Igreja e Comunidade. O que nos Une?»

Objetivos específicos

  • Discutir as implicações e possibilidades da igreja em assumir a responsabilidades frente às camadas excluídas da sociedade.
  • Identificar quais são as responsabilidades delegadas à igreja pela polícia e pelos serviços prisionais.
  • Tratar estratégias para a igreja trabalhar junto com a polícia.
  • Debater estratégias para a igreja trabalhar junto com a comunidade.
  • Estudar processos educativos e formativos que contribuam preventivamente para a socialização dos excluídos. Discutir processos possíveis de reinserção de ex-presidiários tendo a igreja como instrumento viável.
  • Estudar que paradigmas teológicos poderão motivar a igreja a ser mais interventiva na sociedade.

Organizadores

  • MILITARES EVANGÉLICOS de PORTUGAL (MEP)

    É uma Associação com personalidade jurídica e religiosa, membra da Aliança Evangélica Portuguesa e da Association of Military Christian Fellowship (AMCF).

    São seus objetivos gerais os seguintes:

    • Elevar o carácter moral e espiritual
    • Estimular ao pleno exercício da fé cristã
    • Prestar assistência espiritual nas FArm/FSeg. Estudar a Palavra de Deus
    • Promover a capelania evangélica.
  • INSTITUTO DE CRISTIANISMO CONTEMPORÂNEO (ICC)

    É uma unidade/Instituto criada pela Universidade Lusófona e está integrado na área de Ciência das Religiões.

    São seus objetivos gerais os seguintes:

    • Contribuir para uma cultura de paz e tolerância entre diferentes expressões de fé e promover o diálogo inter-religioso.  Estudar as novas tendência sociais à luz da fé cristã
    • Promover a reflexão da fé na sociedade contemporânea, em todas as suas vertentes: culturais e artísticas, sociais, políticas e comunicacionais, incluindo no mundo do trabalho
    • Abordar as implicações da religião na vida mental e emocional do ser humano, em particular do homem religioso
    • Refletir sobre a dimensão ética da fé nos diversos contextos de vida, incluindo nas profissões
    • Promover o aprofundamento teológico e a contextualização da fé no homem do século XXI
    • Desenvolver mecanismos de cooperação que possibilitem a participação conjunta em projetos, estudos e exploração de novas ideias e pesquisas, em parceria com outras entidades.

Redes Sociais