Protocolo com a Igreja Evangélica de Angola

A Universidade Lusófona de Humanidades e Tecnologias e a Igreja Evangélica de Angola assinaram um protocolo com vista à formação de líderes desta importante igreja centenária de Angola em Ciência das Religiões.

Através da área de Ciência das Religiões da Un. Lusófona, as duas instituições acordaram na criação de uma estrutura de investigação dedicada ao estudo da realidade cristã angolana, a Cátedra de Estudos Africanos Reverendo Estanislau Barros, integrada no Instituto de Cristianismo Contemporâneo da Un. Lusófona.

Como principal forma de materialização da formação dos líderes da Igreja Evangélica de Angola, a Un. Lusófona acolherá um grupo de dez pastores que virão a Portugal realizar o Mestrado em Ciência das Religiões.

Para além da formação mais genérica do Mestrado, este grupo de alunos frequentará um grupo de disciplinas opcionais especialmente construídas para robustecer competências no seu campo de trabalho:

  1. Introdução à Psicologia da Religião e Espiritualidade;
  2. O Cristianismo no contexto contemporâneo em Angola;
  3. Liderança e gestão de conflitos;
  4. Liberdade Religiosa e Direitos Humanos;