Traduzir Camões e Pessoa para árabe (palestra com AbdelJelil Larbi, 24 jun. ’22)

TRADUZIR LUÍS DE CAMÕES E FERNANDO PESSOA PARA ÁRABE

Palestra com AbdelJelil Larbi
(ILNOVA-FCSH)

Sexta-feira dia 24 de junho às 18h (horário de Lisboa)

No contexto do Seminário Permanente de Estudos Islâmicos (Área de Ciência das Religiões da Universidade Lusófona) – Coord. Fabrizio Boscaglia

RESUMO

Nesta sessão o tradutor e professor de árabe AbdelJelil Larbi apresenta o seu trabalho de tradução para árabe de duas obras clássicas da literatura portuguesa e lusófona: Os Lusíadas de Luís de Camões e Mensagem de Fernando Pessoa (Lello, 2022). Em conversa com Fabrizio Boscaglia (Universidade Lusófona), o tradutor apresentará os desafios que este trabalho implicou, assim como as dimensões interculturais do próprio.

O ORADOR

Abdeljelil Larbi (1975, Tunísia) professor de língua e literatura árabes no Ilnova-fcsh, licenciado em Língua, Literatura e Cultura árabes (FCSH- Tunis 1, 1999), Mestre em Cultura Islâmica clássica (Universidade de Manouba, Tunísia, 2003), doutorado em Literatura comparada (FCSH-UNL, 2020), tradutor de várias obras portugueses para a língua árabe (Memorial de Convento de José Saramago; Vamos comprar um poeta de Afonso Cruz, Vendedor de passados de José Eduardo Agualusa, Mensagem de Fernando Pessoa, Os Lusíadas de Luís de camões entre outras.

Mais informações sobre o Seminário Permanente de Estudos Islâmicos: https://cienciadasreligioes.ulusofona.pt/noticias/seminario-permanente-de-estudos-islamicos-2022/

Contacto: fabrizio.boscaglia@ulusofona.pt

Curso Livre – Religiões em Portugal: perspetiva histórica e contemporaneidade | Julho 2022

Formador: Paulo Mendes Pinto
Modalidade: Curso / Formação à Distância
Curso de Formação: 25 h
Datas: Julho de 2022 – dia 1 das 18h às 20h / dia 2 das 14h às 18h / dia 8 das 18h às 22h / dia 9 das 14h às 18h / dia 15 das 18h às 22h / dia 16 das 11h às 13h
Registo de acreditação: CCPFC/ACC – 114281/22
Custo da ação: associados: 85€; não associados: 115€
Prazo de inscrição: 27 de junho de 2022
Número máximo de inscritos: 15
 
  Razões justificativas da ação de formação:
  «Num quadro cultural em que é cada vez mais importante ter ferramentas críticas e de conhecimento sobre o fenómeno religioso, esta ação de formação pretende dotar os docentes que a frequentem dos conhecimentos e dos conceitos problematizantes sobre a evolução religiosa em Portugal, fundamentalmente nos últimos dois séculos. Os professores nas áreas das humanidades e das ciências sociais e humanas estão hoje perante um escrutínio constante em relação aos seus objetos de estudo. Seja pelos desafios lançados pela globalização e pelas migrações, seja pelos medos que se desenvolvem constantemente em torno da diferença e dos nacionalismos, seja pela potencial instrumentalização do conhecimento do passado na construção de ideologias contemporâneas, a profissão docente na área da história (ou que recorre à história como material didático e pedagógico) necessita hoje de uma constante atualização para que na sala de aula se consiga dialogar com uma diversidade cultural onde os aspetos anteriores são tantas vezes identitários. É perante estes desafios, que são também dificuldades, que a ação de formação «Religiões em Portugal: História e atualidade», desenvolverá um conjunto de competências na área do conhecimento da História das Religiões que serão ativados funcionalmente como porta aberta para uma cidadania de diálogo, tolerância e respeito.» 
 

Islamofobia em Portugal – Palestra com Marta Araújo (27 mai. ’22)

ISLAMOFOBIA EM PORTUGAL
Representações mediáticas, discursos públicos e práticas institucionaisPalestra com Marta Araújo
(Centro de Estudos Sociais – Universidade de Coimbra)

Sexta-feira dia 27 de maio às 18h (horário de Lisboa)Via Zoom, sem inscriçãohttps://videoconf-colibri.zoom.us/j/88353084579

No contexto do Seminário Permanente de Estudos Islâmicos
(Área de Ciência das Religiões da Universidade Lusófona – Linha de Investigação Herança e Espiritualidade Islâmica)
Coord. Fabrizio Boscaglia

RESUMO

A relação entre o Islão e Portugal é complexa e diversa em termos de protagonistas-chave, períodos históricos e conjunturas políticas que evoca – sendo um contexto particularmente adequado para o estudo da islamofobia. A partir de investigação desenvolvida num projecto europeu, e especificamente a análise crítica do discurso e investigação empírica sobre o contexto português, este artigo examina: por um lado, as narrativas sobre muçulmanos e Islão que circulam na literatura académica e no ciberespaço (2000-20); por outro, diferentes expressões de islamofobia – individual e institucional: i) um caso de vandalismo de uma mesquita e as narrativas mediáticas que se seguiram; ii) debates sobre a educação, nomeadamente no que diz respeito à organização escolar e ao ensino da história.

A ORADORA

Marta Araújo (PhD, Universidade de Londres, 2003) é Investigadora Principal do Centro de Estudos Sociais da Universidade de Coimbra (CES). O seu trabalho de investigação aborda duas linhas complementares: i) políticas públicas, discurso político e igualdade étnico-racial; ii) educação e história pública, focando no colonialismo e na escravização. Marta Araújo é co-coordenadora do Doutoramento ‘Democracia no Século XXI’ (CES/FEUC) e docente em vários programas doutorais. Tem actuado como consultora académica sobre discriminação e igualdade étnico-racial e estado envolvida em actividades de extensão. As suas publicações mais recentes incluem: ‘Islamophobia in Portugal, Beyond the National Register’, ReOrient, 2022; e Mobilizing History: Racism, Enslavement and Public Debate in Contemporary Europe, in Shirley Anne Tate and Encarnación Gutiérrez Rodríguez (Ed), The Palgrave Handbook of Critical Race and Gender, Palgrave, 2022 (com Kwame Nimako).

Mais informações sobre o Seminário Permanente de Estudos Islâmicos: https://cienciadasreligioes.ulusofona.pt/noticias/seminario-permanente-de-estudos-islamicos-2022

Divulgar no Facebook: https://www.facebook.com/events/541056717645819

Contacto: fabrizio.boscaglia@ulusofona.pt

COMEMORAÇÃO DO DIA MUNDIAL DA DIVERSIDADE CULTURAL PARA O DIÁLOGO E O DESENVOLVIMENTO | 23 mai. | 18h00

 
LOCAL: Universidade Lusófona
Das 18h00 – 20h30
 
ABERTURA E RECEÇÃO
 
APRESENTAÇÃO DO PROJETO
“CARTA DAS RELIGIÕES DE ODIVELAS”
DANIEL MINEIRO/ PAULO MENDES PINTO
 
ODIVELAS E AS COMUNIDADES RELIGIOSAS: UM OLHAR PARA O PERCURSO ESTABELECIDO PELA AUTARQUIA
BRUNO SANTOS E ZITA SILVA (C. M. ODIVELAS)
 
A CARTA DAS RELIGIÕES DE ODIVELAS – METODOLOGIA, ÉTICA E DIÁLOGO
NATASHA MARTINS
 
ODIVELAS E A DIVERSIDADE RELIGIOSA NA ÁREA METROPOLITANA DE LISBOA
JORGE BOTELHO MONIZ
 
O DIÁLOGO INTER-RELIGIOSO
FERNANDO CAMPOS
 
A IMPORTÂNCIA DO APOIO SOCIAL NA RELAÇÃO DAS ESTRUTURAS RELIGIOSAS COM A SOCIEDADE
HÉLIA BRACONS
 
ENCERRAMENTO
SUSANA SANTOS (VEREADORA DA C. M. DE ODIVELAS)
FERNANDO CAMPOS (COORD. DO PROJETO)

HOJE! PARA QUE SERVE A TEOLOGIA NUM TEMPO SECULARIZADO? – Teologia, Política e as Doutrinas Sociais | 10 de Maio às 21h00

  Sobre o sentido e a oportunidade duma licenciatura em Teologia cristã, interconfessional, em sistema EaD, leccionada numa universidade secular.

 

Não perca hoje  Teologia, Política e as Doutrinas Sociais, com transmissão online pelo Facebook de Ciência das Religiões: https://www.facebook.com/Ciencia.das.Religioes/

Sessão do Laboratório de Investigação sobre as Obras de Neves e Sousa inspiradas no Candomblé | 9 de maio | 18h30

A próxima sessão do Laboratório de Investigação do Mestrado em Ciência das Religiões – “Religiões & Espiritualidades” – decorrerá no dia 9 de Maio (segunda-feira), às 18H30, onde a mestre Natasha Martins discorrerá sobre o tema “Arte no Candomblé: Uma Análise Feminina das Obras de Neves e Sousa”.
O Mestrado em Ciência das Religiões mantém um espaço destinado aos alunos, docentes e investigadores, a funcionar mensalmente no Zoom, sendo coordenado pelo Prof. José Brissos-Lino, em parceria com o CICMER (Centro de Investigação em Cosmovisões e Mundivivências Espirituais e Religiosas).
Trata-se dum espaço de informalidade, composto por um primeiro tempo em que um orador fará a exposição de temática ligada a uma investigação realizada ou em curso, durante cerca de 20 minutos e um segundo período composto por diálogo e intercâmbio de experiências com uma audiência interessada, através de achegas, comentários e perguntas.
Pretende-se que este espaço seja dinâmico e cumpra funções de formação, debate, reflexão crítica e partilha de saberes e experiências para estudiosos e investigadores.
Convidam-se todos os alunos de Ciência das Religiões (actuais e antigos) e outros interessados a participar nesta sessão, na sala de videoconferências do Zoom, que pode ser acedida através deste link:
https://us02web.zoom.us/j/82467071254

Livro «Orpheu Filosófico: a Geração de Orpheu entre Artes e Filosofias» (Ed. Universitárias Lusófonas)

Orpheu Filosófico: a Geração de Orpheu entre Artes e Filosofias (Edições Universitárias Lusófonas)
Coord. Paulo Borges, Fabrizio Boscaglia, Pedro Vistas

Lançamento na Casa Fernando Pessoa a 6 de maio de 2022 às 15h (v. infra)

Resumo

O objetivo do volume Orpheu Filosófico: a Geração de Orpheu entre Artes e Filosofias (Edições Universitárias Lusófonas, 2022) é repensar a dimensão e as virtualidades filosóficas da chamada Geração de Orpheue dos autores direta ou indiretamente ligados à homónima revista, que têm sido predominantemente considerados e estudados numa perspetiva artística e literária. Considerando que um olhar filosófico complementa e enriquece estas perspetivas, reunimos aqui ensaios, estudos e documentos que, além de repensarem o sentido da própria revista e do movimento de Orpheu, mostram e exploram, por vezes comparativamente, novas dimensões de seus destacados colaboradores, como Fernando Pessoa, Almada Negreiros e Raul Leal, sem esquecer o compositor Ruy Coelho.

Lançamento (6 mai. ’22)

6 de Maio | Lançamento do Livro inserido no programa Colóquio Novos Estudos Pessoanos 2022 com transmissão online nos canais digitais (Facebook e Youtube) da Casa Fernando Pessoa, na sessão das 15h: https://www.casafernandopessoa.pt/pt/cfp/coloquio-novos-estudos-pessoanos-2022

Encomendas

Pode adquirir esta obra através do email: edicoes.lusofonas@ulusofona.pt

Notas Biográficas (coordenadores)

Paulo Borges (Lisboa, 1959) é Professor no Departamento de Filosofia da Faculdade de Letras da Universidade de Lisboa e investigador do Centro de Filosofia da mesma Universidade. Professor de Medicina e Meditação e do Mestrado em Cuidados Paliativos na Faculdade de Medicina da mesma Universidade. Cofundador e Presidente do Círculo do Entre-Ser, associação filosófica e ética. Cofundador e Presidente da MYMA, associação para a cultura contemplativa. Membro da Direcção da Associação Agostinho da Silva. Autor e organizador de 63 livros de ensaio filosófico, aforismos, poesia, ficção e teatro. Doutor Honoris Causa pela Universidade Tibiscus de Timisoara (Roménia), em 2017. Prémio Ibn Arabi – Taryumán 2019, atribuído pela Muhyiddin Ibn Arabi Society Latina, em 2019.

Fabrizio Boscaglia (Turim, 1981)  é Professor Auxiliar Convidado na Área de Ciência das Religiões da Faculdade de Ciências Sociais, Educação e Administração da Universidade Lusófona. Membro do Centro de Filosofia da Universidade de Lisboa. Consultor do King’s College (Londres). Co-curador convidado no Museu Calouste Gulbenkian e na Biblioteca Nacional de Portugal. Doutor em Filosofia pela Universidade de Lisboa com uma tese sobre Fernando Pessoa e o Islão. Os seus principais interesses de investigação são: a representação e a presença do Islão na cultura portuguesa contemporânea; o pensamento e a obra de Fernando Pessoa; aspetos teológicos e metafísicos da espiritualidade islâmica. Autor de centenas de publicações científicas e comunicações a nível internacional. Autor do livro de poemas Il ritorno dell’anima (Ladolfi, 2021).

Pedro Vistas tem-se dedicado ao ensino e à investigação, com colaborações em vários centros. A sua investigação incide sobretudo nas áreas da metafilosofia, filosofia antiga, filosofia da espiritualidade, filosofia da educação, filosofia portuguesa, e ainda da filosofia da arte na vertente literária. Tem assim publicado em diversas revistas da especialidade, nacionais e internacionais, foi coordenador de obras dedicadas à investigação ética e tem coordenado e organizado diversos projectos universitários.

Sessão do Laboratório de Investigação sobre o fenómeno religioso e a identidade arménia | 2 Maio e Seminário de Ciência das Religiões | 3 Maio

A próxima sessão do Laboratório de Investigação do Mestrado em Ciência das Religiões – “Religiões & Espiritualidades” – decorrerá no dia 2 de Maio (segunda-feira), às 18H30, onde o mestre Gabriel Bogossian discorrerá sobre o tema “O fenómeno religioso em A Cor da Romã: elementos para construção de uma identidade arménia”.
O Mestrado em Ciência das Religiões mantém um espaço destinado aos alunos, docentes e investigadores, a funcionar mensalmente no Zoom, sendo coordenado pelo Prof. José Brissos-Lino, em parceria com o CICMER (Centro de Investigação em Cosmovisões e Mundivivências Espirituais e Religiosas).
Trata-se dum espaço de informalidade, composto por um primeiro tempo e  que um orador fará a exposição de temática ligada a uma investigação realizada ou em curso, durante cerca de 20 minutos e um segundo período composto por diálogo e intercâmbio de experiências com uma audiência interessada, através de achegas, comentários e perguntas.
Pretende-se que este espaço seja dinâmico e cumpra funções de formação,
debate, reflexão crítica e partilha de saberes e experiências para estudiosos
e investigadores.
Convidam-se todos os alunos de Ciência das Religiões (actuais e antigos) e outros interessados a participar nesta sessão, na sala de videoconferências do Zoom, que pode ser acedida através deste link:
https://us02web.zoom.us/j/87533321152

Seminário de Ciência das Religiões

Também no dia 3 (terça-feira) pelas 18H00 teremos uma sessão do
Seminário de Ciência das Religiões aberto a todos os interessados, sob o
tema “Religião vivida, Espiritualidade e Mindfulness como movimentos de
sentido”, sendo oradores os profs. Júlio Cézar Adam e Clairton Puntel das
Faculdades EST, Brasil. Acesso através do link:
https://us02web.zoom.us/j/82504013096

A próxima sessão do Laboratório de Investigação do Mestrado em Ciência das Religiões – “Religiões & Espiritualidades” – decorrerá no dia 2 de Maio (segunda-feira), às 18H30, onde o mestre Gabriel Bogossian discorrerá sobre o tema “O fenómeno religioso em A Cor da Romã: elementos para construção de uma identidade arménia”.
O Mestrado em Ciência das Religiões mantém um espaço destinado aos alunos, docentes e investigadores, a funcionar mensalmente no Zoom, sendo coordenado pelo Prof. José Brissos-Lino, em parceria com o CICMER (Centro de Investigação em Cosmovisões e Mundivivências Espirituais e Religiosas).
Trata-se dum espaço de informalidade, composto por um primeiro tempo e  que um orador fará a exposição de temática ligada a uma investigação realizada ou em curso, durante cerca de 20 minutos e um segundo período composto por diálogo e intercâmbio de experiências com uma audiência interessada, através de achegas, comentários e perguntas.
Pretende-se que este espaço seja dinâmico e cumpra funções de formação,
debate, reflexão crítica e partilha de saberes e experiências para estudiosos
e investigadores.
Convidam-se todos os alunos de Ciência das Religiões (actuais e antigos) e outros interessados a participar nesta sessão, na sala de videoconferências do Zoom, que pode ser acedida através deste link:
https://us02web.zoom.us/j/87533321152

Seminário de Ciência das Religiões

Também no dia 3 (terça-feira) pelas 18H00 teremos uma sessão do
Seminário de Ciência das Religiões aberto a todos os interessados, sob o
tema “Religião vivida, Espiritualidade e Mindfulness como movimentos de
sentido”, sendo oradores os profs. Júlio Cézar Adam e Clairton Puntel das
Faculdades EST, Brasil. Acesso através do link:
https://us02web.zoom.us/j/82504013096

O Sagrado Feminino nas Religiões da Antiguidade | 30 de abril, 7, 14 e 21 de maio | Livraria-Galeria Municipal Verney, em Oeiras

Presencial e Online no Facebook das Bibliotecas Municipais e do Município de Oeiras
Sinopse:
O Curso visa resgatar a relação entre o feminino e o sagrado nas culturas da antiguidade, refletindo sobre o papel da mulher nos primórdios da humanidade e as suas adaptações e desconstruções no decorrer do desenvolvimento das civilizações, partindo do Oriente Médio e Mediterrâneo ao Ocidente.
30 ABRIL, SÁB, 15h, 1ªSESSÃO (LIVRARIA MUNICIPAL VERNEY)
O eclodir do Sagrado Feminino: da fertilidade, do Neolítico às Religiões Mesopotâmicas por Lidice Meyer e Paulo Mendes Pinto
7 MAIO, SÁB, 15h, 2ªSESSÃO (LIVRARIA MUNICIPAL VERNEY)
O Sagrado Feminino nas Religiões dos Indo-Europeus por Lidice Meyer
14 MAIO, SÁB, 15h, 3ªSESSÃO (LIVRARIA MUNICIPAL VERNEY)
O Sagrado Feminino na Religião Grega e Romana por Lidice Meyer
21 MAIO, SÁB, 17h, 4ªSESSÃO (LIVRARIA MUNICIPAL VERNEY)
O Sagrado Feminino, uma redescoberta na literatura contemporânea por Alexandre Honrado
19H: Concerto de encerramento: “Ishtar’s Proposal”, por UDJAT Ensemble
GRATUITO, SUJEITO A INSCRIÇÃO
Informações e Inscrições: galeria.verney@oeiras.pt;
tel: 21 440 83 29
Livraria Municipal Verney
Rua Cândido dos Reis, nº 90
2780-211 Oeiras

Gharb al-Andalus – Palestra com Susana Gómez Martínez (29 abr. ’22)

GHARB AL-ANDALUS: A ARQUEOLOGIA COMO CHAVE DA HISTÓRIA

Palestra com Susana Gómez Martínez

Sexta-feira dia 29 de abril de 2022 às 18h (horário de Lisboa)

 

Via Zoom (entrada livre, sem inscrição)

Link para participar: https://videoconf-colibri.zoom.us/j/88353084579

 

Um evento do Seminário Permanente de Estudos Islâmicos

(Área de Ciência das Religiões da Universidade Lusófona, coord. Fabrizio Boscaglia)

 

RESUMO

Os textos medievais sobre o al-Andalus que se conservam referem rara vez o Gharb, isto é, os territórios mais ocidentais da Península Ibérica. Por este motivo, a informação que  proporciona a arqueologia é imprescindível para construir uma história específica desta região. Esta abordagem é especialmente relevante porque o Gharb foi um espaço com  particularidades muito próprias, periférico relativamente aos principais centros de poder como Córdova o Sevilha, sendo considerado frequentemente como um território marginal que só tardiamente cativou a atenção e os esforços de controlo por parte dos poderes que se foram sucedendo no al-Andalus. Assim, só a arqueologia permite reconhecer, em pormenor, como se desenvolveu o processo de islamização nas diferentes zonas do Gharb e de que modo e com que peculiaridades se materializou a sua integração nesta civilização.

 

A ORADORA

Doutorada pela Universidad Complutense de Madrid (2004), é investigadora do Campo Arqueológico de Mértola desde 1992, integrada no CEAACP desde 2008 e colaboradora de outros Centros de Investigação de Portugal e Espanha, nomeadamente o CIDEHUS e o Laboratório Hércules. Desde 2019 é professora auxiliar da Universidade de Évora. Foi bolseira da FCT de doutoramento (1997-2000) e de pós-doutoramento (2008-2009), e investigadora do Programa Ciência 2008 da FCT na Universidade de Coimbra (2009-2014). Dedica a sua investigação à história e arqueologia medievais e modernas, com especial incidência período islâmico, mas também desenvolve uma intensa atividade ligada à valorização do Património Cultural.

 

SEMINÁRIO PERMANENTE DE ESTUDOS ISLÂMICOS

Ciclo de palestras: https://cienciadasreligioes.ulusofona.pt/noticias/seminario-permanente-de-estudos-islamicos-2022/

 

COORDENAÇÃO E CONTACTO

Fabrizio Boscaglia (fabrizio.boscaglia@ulusofona.pt)

 

Dia 22 de Abril | ICC promove conferência em parceria com a University of the Nations

O Instituto de Cristianismo Contemporâneo (Ciência das Religiões/Universidade Lusófona) está a promover, em conjunto com a University of the Nations uma Conferência de Apologética nos dias 22 (sexta-feira) e 23 de Abril (sábado) entre as 10:45h e as 19:00h.
O objectivo do evento é abrir caminho para a discussão na comunidade cristã sobre os temas do avanço do Islão no Ocidente, desafios e oportunidades numa sociedade pós-moderna, mulheres no ministério e a realidade da igreja na era pós-covid.
A conferência é gratuita mas fornecerá um Certificado de Participação.

Streaming no Facebook da Ciência das Religiões:
https://www.facebook.com/Ciencia.das.Religioes

HOJE! PARA QUE SERVE A TEOLOGIA NUM TEMPO SECULARIZADO? –  Teologia, Cidadania e Secularização às 21h00

  Sobre o sentido e a oportunidade duma licenciatura em Teologia cristã, interconfessional, em sistema EaD, leccionada numa universidade secular.

 

Não perca hoje  Teologia, Cidadania e Secularização, com transmissão online pelo Facebook de Ciência das Religiões: https://www.facebook.com/Ciencia.das.Religioes/

Jorge Botelho Moniz (Un. Lusófona)

Samuel Dimas (UCP)

Steffen Dix (Un. Aberta)

Moderação: Daniel Mineiro (Un. Lusófona)

Conversa sobre Alimentos Sagrados no Chapitô

O tema sobre a alimentação esteve no centro da discussão, nas Tertúlias das Comidas, no Chapitô. Foram convidados Daniel Mineiro (Docente universitário, professor e no curso Alimentos Sagrados e Profanos: Uma visão dos alimentos através das espiritualidades), Maria de Oliveira Dias (autora de “Cozinha Vegana” e “Ecoguia para Mudar o Mundo) criadora do The Love Food (https://www.facebook.com/The-Love-Food-Healthy-Vegan-Lifestyle-138978892781650) e Nuno Alves Caetano (co-autor de “O Livro de Pantagruel”), na moderação João Morales (Chapitô).

 

Assista: https://www.facebook.com/joao.morales.3/videos/2117553518422809

Seminário Permanente de Estudos Islâmicos (2022)

De abril de 2022 até dezembro de 2022 decorre a terceira edição do Seminário Permanente de Estudos Islâmicos, organizado pela Linha de Investigação Herança e Espiritualidade Islâmica da Área de Ciência das Religiões da Universidade Lusófona, com a coordenação do professor Fabrizio Boscaglia.

As sessões, salvo indicação diferente, decorrem via Zoom (https://videoconf-colibri.zoom.us/j/88353084579).

A entrada é livre, sem inscrição.

PROGRAMA

29/04 – 18h00
Gharb al-Andalus: a arqueologia como chave da história
Susana Gómez Martínez (Universidade de Évora)


27/05 – 18h00
Islamofobia em Portugal: representações mediáticas, discursos públicos e práticas institucionais
Marta Araújo (Universidade de Coimbra)


24/06 – 18h00
Traduzir Fernando Pessoa e Luís de Camões para árabe
AbdelJelil Larbi (Universidade Nova de Lisboa) e Fabrizio Boscaglia (Universidade Lusófona)


29/07 – 18h00
Herança islâmica em Portugal: achados dos séculos VIII-XIII
Renata Fontanillas (Universidade de Lisboa)


30/09 – 18h00
Cosmologia alfanumérica e espiritualidade islâmica
Juan Acevedo (Universidade de Lisboa)


28/10 – 18h00
What is Islamic Art? A reflection on Calouste Gulbenkian’s collection
Jessica Hallet (Museu Calouste Gulbenkian)


25/11 – 11h00 – 18h00
Colóquio Islão e Europa
Oradores confirmados:
AbdoolKarim Vakil, Gabriele Iungo, Ibrahim Mogra, Jorge Botelho Moniz, José Mapril, Pilar Garrido Clemente
(mais informações serão fornecidas atempadamente)


16/12 – 18h00
O Amor Fundamental: diálogo entre Ibn ‘Arabī e Abhinavagupta
Sandra Benato (MIAS-Latina)

Cartaz: https://drive.google.com/file/d/1F31D2w7X8zeUzx4o9Se2cbjoUBuAvEgG/view?usp=sharing

Contacto: fabrizio.boscaglia@ulusofona.pt

Link para assistir (Zoom): https://videoconf-colibri.zoom.us/j/88353084579

A entrada é livre, sem inscrição.

Redes Sociais